Vamos garota

A garota diferente Capítulo 15. A garota diferente {15} Eai gente !!preparados para um novo ep?bom vamos ver quem... Boa leitura Vamos lá... We're shutting down Vamos on Thursday May 24th after six exciting years. We always tried to provide the best event discovery experience to people around the globe. But now it's the time to leave the stage and say thank you for your support and the fantastic response we received throughout the whole journey. Estrada Real de Mauá, n° 121, Loja 04, Praia de Mauá – Magé – RJ – CEP 25.926-684 Fone: (21) 96559-4371. [email protected] Garota Safada - Vamos Falar de Amor (Letra e música para ouvir) - Queria falar desse amor, dessas aventuras / Queria te dizer o quanto eu choro quando nós dois brigamos amor / Mais saiba que tudo que falo é da boca pra Resenha dorama Tailandês - A garota de fora by Só Dasoh - dezembro 05, 2018 Hoje vamos falar sobre a série 'A garota de fora' um drama Tailandês que recentemente chegou ao catálogo da Netflix Neste tutorial vamos converter a foto de uma garota em pintura a óleo. akvis.com In this tutor ia l we will co nvert a p ho to of a girl in to an o il painting.

Fui transar por curiosidade e olha no que deu

2020.09.20 22:32 sorcererflows Fui transar por curiosidade e olha no que deu

Eu (25h) nunca achei que sexo precisaria ser com alguém que você necessariamente ama mas mesmo assim passei muitos anos virgem, nunca me incomodei e meus amigos mais próximos sabem. Sempre fui bem tímido e meio ruim de papo, o que só ajudou nisso kkkkk No final de julho tive a brilhante ideia "vou sair com uma acompanhante" Comecei a pesquisar nos sites, fóruns, comentários, vídeos e etc... só a ideia de que quando achasse o equilíbrio certo de custo x beneficio eu iria transar já deixava meu pau duraço. Encontrei uma menina bem bonita e com boas avaliações e fui falar com ela no wpp, como o anúncio já era bastante claro e os comentários já dizia os serviços prestados foi uma conversa bem rápida e fui pro flat dela. Estava COMPLETAMENTE calmo, sim fiquei estranhamente bem de boa antes de conhecer ela pessoalmente e durante a transa, a transa em si foi boa para padrões de perder a virgindade que vejo as pessoas falando por ai, sai satisfeito até mas no carro voltando pra casa o pau já estava duraço novamente, cheguei em casa e bati uma pra um vídeo de uma garota parecida com ela. Fiquei com um pensamento de que poderia ter feito melhor e de que aquela garota não tinha sido uma boa escolha apesar de bonita e ter feito tudo o que foi combinado. 1 semana, muitas punhetas e muitos anúncios depois escolhi outra garota pra sair, dessa vez em um motel. Peguei o quarto, avisei o número e ela chegou menos de 5 minutos depois, ela era a mulher das fotos mas por uma questão de ângulo, iluminação parecia ser bem mais bonita do que realmente era, apesar disso fizemos um sexo mais gostoso onde agora eu que estava mais no controle da situação. Sai do motel CANSADO e satisfeito mas adivinhem o que aconteceu quando cheguei em casa? O pau duraço, bati uma e fui dormir. No outro dia fiquei com vontade de fazer um sexo igual do dia anterior mas com uma mulher mais gata... e lá vamos nós, 1 semana, muitas punhetas e muitos anúncios depois achei uma outra acompanhante muito linda por um preço bem em conta e chamei no wpp, ela já veio mandando áudio com uma voz que já me deixou de pau duro (não é difícil eu ficar de pau duro mas tudo bem) ao contrário das outras essa não tinha nenhum comentário mas tinha uma boa descrição então precisei tirar mais algumas dúvidas sobre os serviços prestados do qual alguns ela respondeu e outros não meio que mudando de assunto e perguntando se eu queria ir naquele mesmo momento pro flat dela. Fui pra lá, bato na porta e quando abre pra surpresa de 0 pessoas não era a mulher do anúncio mas era uma gatinha então deu ruim mas deu bom. O problema foi que no atendimento as coisas que estavam no anúncio não foram cumpridas e novamente eu sai frustrado, cheguei em casa bati uma e bora procurar outra acompanhante. Algumas semanas, muitas punhetas e muitos anúncios depois achei outra mulher, gata, completa, vários comentários, chegou no motel antes do combinado e meus amigos, o bagulho foi louco. Ela fazia de tudo, metemos muito e ainda conversamos bastante, sai cansado, satisfeito e quando cheguei em casa... o pau molengão kkkkkkkkk mas antes de dormir ficou bem duro novamente e eu bati uma pra relaxar. Antes de transar pela primeira vez eu não pensava tanto em sexo e me masturbava 1~2 vezes por semana, agora eu eu só penso em foder e não fico 1 dia sem desde o final de julho, surpreendentemente meu consumo de pornô não aumentou tanto quanto a vontade de me masturbar, 95% das vezes eu faço no banho só com a imaginação mesmo. O problema estão sendo os pensamentos durante o dia-a-dia e o liquido que sai do pau pra lubrificar que esta sujando minhas cuecas (eu que lavo, só é chato mesmo) Eu achei que quando fizesse pela primeira vez eu daria uma acalmada mas pelo visto foi o efeito contrário.

EDIT: Esqueci de falar que já estou com programa combinado com outra garota pra amanhã
submitted by sorcererflows to sexualidade [link] [comments]


2020.09.20 20:18 shadow_of_Reddit O dia que minha turma quase matou uma professora com perfume

Olá Luba, editores, gatas, papelões ainda inteiros, possível convidado e turma que está a ler, eu estava em dúvida em qual história contar sobre a época que estudava nessa escola, mas eu escolhi essa por ser mais recente e meio trágico. Vamos começar do começo:
Era uma quarta feira se eu não me engano, eu estava no nono ano e a aula em questão era de Produção Textual (vulgo Redação), tava tudo bem até alguém peidar na sala de aula, eu me lembro que era um cheiro horrível.
Então uma garota teve a brilhante idéia de tacar perfume na sala ( não me pergunte porque ela tinha perfume, eu não sei.) Aí a professora tava agindo estranho e então ela fala com uma voz rouca: Eu sou alérgica a perfume.
Então todo o mundo na sala se desesperou, muita gente abriu as janelas e a porta, eu fiz a “sabiá” decisão de ficar na cadeira paralisada sem saber o que fazer, no final a professora saiu da sala( quando ela estava saindo alguém jogou desodorante na sala), chamou a coordenadora e ela começou a reclamar com a turma inteira.
E essa foi a história de como eu e minha turma perderam meia hora de classe pra coordenadora ficar ensinando a pessoas do 9° ano há ir no banheiro quando tiver com vontade de peidar.
submitted by shadow_of_Reddit to TurmaFeira [link] [comments]


2020.09.20 19:12 agente_infiltrado Talarica de plantão

(Antes de tudo, essa história n é minha, mas eu tenho permissão para postar, e ela vai ser escrita pela minha amiga q presenciou tudo.)
Olá Luba, Luna, Luno, editores, gatas, turma e possível convidado, irei contar algumas histórias q aconteceram, todas envolvendo a "Raynara" a maior talarica q já vi, então vamos lá.
-Um dia, Carlala se apaixonou por Carlolo (desculpe a falta de criatividade), eles começaram a se aproximar, e chegaram a conclusão de q os 2 estavam apaixonados, quando estavam quase namorando, Raynara descobriu repentinamente q estava apaixonada por Carlolo, apesar de nunca terem se falado (o amor é lindo 😭❤), ela começou a conversar com Carlolo, ela falava coisas pra ele (ninguém além deles sabe o q era mas sabemos q coisa boa n era), ela ficava se exibindo pra ele, fazia chamadas de madrugada e tals, Carlala descobriu o "caso" deles, o garoto disse q n queria mais nada com a Carlala, então Raynara e ele começaram a namorar, no recreio eles ficavam conversando, se beijando, ela sentava no colo dele, rebolava... Depois de 2 semanas terminaram.
-Outra vez, Monalisa GRANDE AMIGA de Raynara começou a gostar de Anlelé, sua paixão aumentava a cada dia, a talarica então, resolveu humilhar Monalisa todo dia, fazendo ela se sentir um lixo, q n merecia Anlelé. Seu amor foi diminuindo, então Raynara foi se aproximando de Anlelé, toda chance q ela tinha de mostrar os peitos e a bunda pra ele, ela mostrava, mas ele n deu moral pra ela, sempre tentava afastar ela. Raynara diz q namorou com ele, mas nada indica isso.
-Anabele, uma manipuladora, mentirosa, entre outras coisa, é amiga de Raynara, e ela sempre foi extremamente apaixonada por Feijoao, desde q viu ele pela primeira vez, ele também é apaixonado por Anabele. Raynara, só de ouvir sua amiga falar de Feijoao já se apaixonou, mas ele e Anabele só se conheceram pq participam de um grupo de teatro, então Raynara fez o q? EXATAMENTE, ela começou a fazer teatro só pra fazer uma talaricagem, ela conseguiu, começou a namorar Feijoao, porém, se lembram q Anabele n é flor q se olhe? (Eu sei q o correto é "flor q se CHEIRE", mas ela N É FLOR Q SE OLHE E PONTO FINAL!), ela convenceu Feijoao a iludir Raynara, ela caiu q nem patinho. Raynara descobriu, e agora fica se vangloriando pra Anabele q pelo menos eles namoraram, se beijaram e tals.
-Em meados de 2014, Polly começou a gostar do Meia, n rolou nada entre eles, e ela deixou de goxtar dele, em 2015, Raynara começou a frequentar a msm escola q Polly, elas viraram amigas, e de alguma forma Raynara ficou sabendo q Polly "estava" apaixonada por Meia (contaram a fofoca direitinho 👌), em menos de 3 semanas Raynara começou a namorar com Meia, era um relacionamento estranho, eles conversavam pelo WhatsApp como um casal, mas na escola ela ficava evitando ele é tals, mas n era pq ela tinha vergonha de descobrirem q eles namoravam, na vdd ela queria deixar claro pra toda a escola q eles estavam juntos (¿¿¿), e quase toda semana Raynara perguntava pra Polly se ela estava gostando do Meia, a amiga dizia q não, e Raynara apresentava ficar trixti com isso, então ficava dizendo pra Polly q Meia era incrível, era a melhor pessoa do mundo e Blá-blá-blá. Após TRÊS anos de namoro, o relacionamento deles ia de mal a pior, toda semana eles terminavam e voltavam. Em um dos raros dias em q eles n estavam separados, Raynara, Polly e outra garota estavam fazendo um trabalho escolar, Raynara começou com um papo estranho sobre o seu namoro, até q Polly disse q n gostava do namorado da "amiga", Raynara com uma cara de decepciona e indignada começou a questionar ela sobre isso:
"Como assim vc n gosta dele?!"
"É sério isso?!"
"Vc n tá apaixonada por ele?!"
"Vc n acha ele bonito?"
"Como assim vc n quer ficar com ele?!"
Polly disse de novo q n, q n queria ficar com o namorado de Raynara, a talarica continuou com cara de decepcionada, ficou claramente triste, e ficou com cara de choro (???), a outra garota começou a consolar Raynara, dizendo coisas bizarras, como "ain, eu n penso isso", "eu nunca falei isso aí", e outras coisas, deixando claro q ela pegaria o namorado da amiga, cês tão ligado q pra CONSOLAR A AMIGA ELA DISSE Q FICARIA COM O NAMORADO DELA, e pra piorar, isso funcionou como consolo, uns 3/4 dias depois, Polly viu Raynara super feliz, ela se aproximou e Raynara disse toda alegre q havia terminado definitivamente com o Meia, no meio do papo, ela percebeu q "precisava" fingir estar trite, então fez cara de pobre coitada desolada, mas qualquer um percebia q era mentira. Depois de uns tempos Polly e outras amigas dela chegaram a conclusão de q Raynara só estava com o Meia pq ela "descobriu" q Polly era "completamente apaixonada" pelo garoto.
-Essas são as histórias mais interessantes, o resto (q eu fiquei sabendo) são simplesmente ela ficando com o chush da "amiga" msm.
submitted by agente_infiltrado to TurmaFeira [link] [comments]


2020.09.20 15:37 Rakanabre Casamento Antecipado.

EU FUI BABACA?
Olá luba, possível convidado e turma que está a ver, principalmente o Jean.
Um dia no meu terceiro ano na minha escola, todo o mês sempre tinha um filme para os alunos assistir, sempre tinha 3 filmes como opção. Naquele dia era, frozen, Rei Leão, ou a princesa e o sapo como opção de filme, foi da frozen, fiquei com raivinha por ser frozen e não Rei Leão, então fiquei no melhor lugar possível com meus amigos só pra ocupar os bons lugares pra quem realmente queria assistir o filme não assistisse direito, já que era uma sala bem pequena.
Era eu e mais 5 amigos, mas por causa da sala ser pequena, tive que estar separado dos outros, quando faltava pouco para começar o filme, tinha garotas falando baixinho com uma especifica garota, ela estava olhando pra mim, eu sou muito tímido, então fui pra esquerda minha o massivo possível e botando a minha mochila na minha direita, ela vem e fala.
garota: Vc pode tirar a sua mochila por favor.
Eu não sabendo o que fazer tirei a mochila da cadeira a minha direita.
garota: obrigada.
Quando estava passando o filme ela falou.
garota: Bom o filme né?
Eu não sabendo o que falar.
Eu: É bom sim.
Passa o pouco mais o filme e ela a coisa mais inesperada que eu poderia escutar.
garota: Vamos nos casar.
Eu so querendo mudar de assunto falei.
Eu: voce ja casou com quantas pessoas?
garota: 12 garotos, e 13 se contar você.
Eu falando na forma mais normal possível.
Eu: Não
Ela naquele ano falou comigo apenas duas vezes. As duas era pra emprestar uma caneta ou borracha.
garota: Esta bem.
Após acabar o filme, as amigas dela me forçaram a pedir desculpas. Eu como um garoto MUITO responsável eu fui pedir desculpas.
Eu: Desculpa por ter falado não.
E depois novamente veio o pedido.
garota: Que casar comigo.
Eu com mais tranquilidade que antes falei.
Eu: Não
Ela saiu correndo dessa vez, nunca pensei que faria um Double kill tão inacreditável.
Eu não falei com ela dês daquele dia.
Fui babaca por ter recusado duas vezes o pedido de Casamento Antecipado.
submitted by Rakanabre to TurmaFeira [link] [comments]


2020.09.18 04:40 ZuumWill Como ajudar minha amiga?

Oi, oi pessoas!
Não é beeem um desabafo mas vamos lá... esse ano eu entrei na faculdade e no meu último dia de aula (pois o apocalipse que estamos vivendo parou tudo), eu conheci uma garota da minha sala. Nas duas primeiras semanas de aula percebi que quando não era eu quem chegava primeiro na sala, era ela, e ela parecia ser legal. Nesse último dia ela foi no banheiro e voltou desesperada pois o fone dela havia caído na pia. Depois disso começamos a conversar, e hoje, seis meses depois, somos amigos até que íntimos. Com isso, em algumas de nossas conversas, ela disse que tem Síndrome de Asperger. Bem, indo direto ao ponto, hoje, no meio da aula, ela teve uma crise, começou a chorar etc e ela me contou isso agora há pouco. De pronto eu disse que quando ela tiver isso de novo que ela pode me ligar para conversarmos, porém... ela é a primeira autista com quem eu tenho contato, e, caso algo assim aconteça de novo, eu não sei como ajudá-la. Sabe? Eu não quero parecer um idiota com frases como "vai passar", "tudo vai ficar bem". Eu quero estar pronto para que caso ela ligue eu possa ajudá-la. Como será que posso fazer isso?
Boa noite e bom fim de semana, thurma!!!
Obs.: espero não ter usado termos que façam parecer que a Síndrome é uma doença, pois sei que não é.
submitted by ZuumWill to desabafos [link] [comments]


2020.09.18 02:39 carol_fischer_ Apenas opiniões sinceras

Oii gente tudo bem ?
》A minha história e o seguinte : há umas Duas Semanas eu comecei a conversar com um garoto ; A minha amiga nos "arranjou" vamos dizer assim ... ela conheceu ele por um amigo em comum é achou que nos dariamos bem , e de fato nós temos um jeito bem parecido de pensar e gostos em comum《
Porém eu tava com um pé atrás pq eu não sei se sinto atração por ele ?? Ele não é bem o tipo de garoto que eu me sinto atraída . E por conta disso eu me desanimei e não fui me encontrar hj com ele .Acho que estou com medo de me decepcionar pq eu gostei do papo dele , mas por conta de eu não ir minha amiga e ele ficaram chateados e tô me sentindo mal por isso mas por outro lado ia ser muito complicado para eu poder ir . E pra piorar no lugar que a gente ia iria estar meu "ex" (que eu ainda tenho sentimentos) e a atual dele então apenas queria saber oque devo fazer devo ser sincera com ele é falar sobre isso (sobre não me sentir atraída por ele) ? Ou devo guardar pra mim e tentar conhecer ele antes pra ver se isso muda ? Estou sendo babaca ? ( eu me sinto meio mal pq eu me senti muito merda quando fui trocada pelo meu "ex" por uma garota muito linda e não quero que ele se sinta mal pq não é culpa dele eu me sentir assim em relação a ele )
submitted by carol_fischer_ to TurmaFeira [link] [comments]


2020.09.15 17:30 dadaltomp Os meus amigos brigaram e descobrimos que a garota é uma nice girl.

Olá sou a Maria Paula e essa é a história que aconteceu há mais ou menos 2 dias atrás (sou do Espírito Santo então não precisa de sotaque porque não temos :p). Vamos chamar a garota de Lisa.
Bom, Lisa começou a brigar com meu amigo (vamos chama-lo de Matheus), por causa que ele não queria fazer metadinha de foto de perfil. Matheus não aceitou porque não queria tirar sua foto de perfil e por outra ;-;, mas a garota começou a surtar falando que ele tinha trocado ela por outra amiga e tals, ela falou que ele magoou ela só por causa da foto.
Eu e ele ficamos horrorizados pois era a primeira vez que a Lisa tinha ficado com esse comportamento, ela falou com os pais dela, sim, OS PAIS. Ela falou que nunca mais iria falar com ele, começou a xingar ele de todos os nomes possíveis. Falou que ele não era o mesmo de antes e que ele estava insuportável.
Nesse exato momento que estou escrevendo ela esta surtando no chat do Matheus. No final deu tudo certo, perdemos uma amizade mas rendeu uma história pra Turma Feira :) beijo pra quem quiser e é bolacha.

P.s: Lembrando que a treta rolou por causa de uma foto de perfil :).
submitted by dadaltomp to TurmaFeira [link] [comments]


2020.09.13 18:05 Daniboyblau A história de Daichi: Nice perseguidora (redes sociais)

Olá Luba, editores, gatas, Pekeanu Reeves (te amo) e turma que está a ver, como estão?
Bom, quando eu tinha 13 anos (hj tenho 16) fui em um acampamento da igreja e lá conheci uma garota, vamos chamá-la de Rainara.
A Rainara era bonitinha e um pouco estranha, mas eu gostava de conversar com ela. Passado um tempo, depois de uns 3 meses, durante as férias de verão eu achei o Instagram dela e começei a seguir, a gente começou a conversar quase que diariamente, até um ponto onde não tinha mais o q falar, ent foi virando uma coisa monótona e sem graça nenhuma.
Um belo dia, estava eu conversando com ela e simplesmente me cansei e disse: - Olha, foi muito bom te conhecer e tals, mas isso ta muito chato eu não gosto mais de vc e acho que não quero mais nada. Eu não dei um blok naquele momento, eu n achava q precisava. Mas msm depois de eu ter dito tudo aquilo, ela continuava mandando msg todo dia, eu tentava me esquivar ou dar desculpas, aí dei o blok msm.
E durante os 2 anos seguintes ela criou contas fakes pra me perseguir e tentar ficar falando cmg, para vcs terem uma ideia no meu instagram tem mais de 63 contas blokeadas, todas contas fake da Rainara, além de ficar me ligando e deixando msg na caixa postal, ficando com aquela porcaria de notificação q n sai.
Tenho um print como exemplo do q ela mandava https://imgur.com/gallery/6pfoefW
Eu nunca procurei a polícia ou falei pros meus pais, pq eu n achava q precisava, mas a história é conhecida por meus amigos mais próximos do colégio.
Ela finalmente deu uma parada, por mais ou menos 1 ano e eu senti uma tremenda paz de espírito, até q nessa quarentena ela volta a fazer a msm coisa, chegando a até msm me ameaçar. Isso chegou aos ouvidos de 1 amigo meu em específico, vou chamar ele de Carls.
O Carls me pediu o número dela, e eu passei. Ele mandou mais de 38 trava zaps pra ela, pq ele ficou muito puto com a história.
Ela chegou no meu insta com outra conta fake e começou a dizer que ia me processar e mais uma pá de merda, como que eu tinha que orar muito pra tirar o mal de dentro de mim.
Ent eu voltei a chamar o Carls, ele me disse que tinha pensado em tudo, que de acordo com o que eu contei pra ele, ela cometeu mais de 3 crimes e que se ela me processasse ela provavelmente perderia.
Hoje dia 13 de setembro, ela veio me chamar no insta pedindo perdão, segue os prints da conversa de hoje em outro post Daichi desu
Essa história é algo d q me envergonho um pouco mas hj em dia acho q postar isso ia me fazer bem, é isso, se cuidem, bebam água e tomem cuidado com qm vcs conversam, sou a prova viva de q qualquer um pd ser um maluco, brinks.
Ps: Chat, de acordo com meus informantes, (sim eu tenho informantes) ela pediu pros pais dela pra matricularem ela na minha escola no ano q vem, 2021, ent boa sorte pra mim.
submitted by Daniboyblau to TurmaFeira [link] [comments]


2020.09.12 21:22 iGuest1 A insegurança não me permite avançar. Sinto que estou presa num ciclo vicioso.

Vivo constantemente a duvidar de mim, a pensar "Mas e se X não gostar". Não gosto do meu corpo, não me acho atraente. Tenho um nariz grande e seios pequenos, sou baixa e sem graça. Conheci um menino perfeito... Simpático, engraçado, e acima de tudo respeitador. Eu gosto muito muito dele e sei que é mútuo. À medida que a relação avança vamos ficando cada vez mais íntimos. Ainda não tivemos relações, ainda é muito cedo também, mas eu tenho receio desse dia. Tenho medo que ele não goste do que vê, do que eu faço, tenho medo que ele me olhe de forma diferente e fique desiludido. Eu sei que o meu corpo o quer, mas a minha mente deixa com um medo aterrorizante! Tenho 19 anos e já não sou virgem, mas a relação anterior (e única até agora) foi um martírio porque tinha sempre medo de dizer o que pensava e acabava fazendo o que não queria.
Gostava de confiar mais em mim. Gostava de ter coragem para falar o que penso. Eu sei que não sou aquela garota linda com corpo de revista e cara de boneca, sou apenas eu. Gostava que isso fosse suficiente.
submitted by iGuest1 to desabafos [link] [comments]


2020.09.12 17:23 NaomyChan Oii Luba, turma, editores, gatas e todo tipo de coisa que pode estar vendo ou lendo isso. Essa é a história de como um ex meu ficou obcecado por mim. (Essa história pareci de um nice people, mas não rola xingamento, então não sei como identificar kk)

(Vamos um pouco pro passado, inicio do ano em fevereiro) Antes de a gente começar a namorar com ele, eu conheci uma menina ( vamos chamar ela de Rainara) e queria muito fica com ela, porém ela tava namorando, mas tinha dito que se a gente se encontrasse de novo nos poderíamos ficar se eu quiser se, logico que eu aceitei, como na época esse cara o Cars era meu melhor amigo, eu contei pra ele. (Se passou, agora em Julho) Eu era muito próxima do Cars, e ele começou a gostar de mim e me pediu em namoro, eu aceitei porque achei que gostava ele, umas semanas depois, eu tava percebendo que eu tava gostando da Rainara de um jeito diferente, ai eu me toquei que eu gostava do Cars como amigo e senti a algo mais pela Rainara. Terminei o namoro com ele. (Agora vamos pra, quinta feira agora, dia 10 de setembro) Eu pedi a Rainara em namoro e ela aceitou, no dia seguinte eu coloquei que tava namorando nos status e o Cars veio encher meu saco. (Hoje dia 12 de setembro rolo o seguinte dialogo, copiei a conversa do WhastApp mesmo porque é mais fácil como ele digita palavra por palavra eu tive que da meu jeito pra n fica tão longo) [02:55, 12/09/2020] Ser Insuportável: Vc Foi Desleal A mim Se era Afim Dela Não tinha Aceitado Namorar Cmg Como dizia Me amar Amando Outra Isso Tudo So por não estou ai Olha so Fassamos assim estou disposto a esquecer tudo isso apenas volte pra mim e vamos retomar um futuro que ainda temos pela frente
[08:55, 12/09/2020] 🏳️‍🌈♥️Eu♥️🏳️‍🌈: Vc sabe q tem como gostar de 2 pessoas ao mesmo tempo neh? No caso n é só pq você não ta aqui. Entenda EU TO NAMORANDO
[10:33, 12/09/2020] Ser Insuportável: Otimo Entt Pq Não nos 3?
[10:34, 12/09/2020] 🏳️‍🌈♥️Eu♥️🏳️‍🌈: Pq eu n gosto mais de vc? Entenda
[10:34, 12/09/2020] 🏳️‍🌈♥️Eu♥️🏳️‍🌈: Eu n gosto mais de vc
[10:39, 12/09/2020] Ser Insuportável: Mentira Isso E mentira E vc sabe So ta dizendo isso Pra que eu pare de insistir Mas não vou Pq eu te amo Quem ama cuida protege da carinho e nunca abandona Não faz isso cmg vey porfv volta pra mim🥺❤️ Quando nunca mais Achei Que fosse Feliz
[10:43, 12/09/2020] 🏳️‍🌈♥️Eu♥️🏳️‍🌈: Cara
[10:43, 12/09/2020] Ser Insuportável: Deus te colocou
[10:43, 12/09/2020] 🏳️‍🌈♥️Eu♥️🏳️‍🌈: Vai te fude
[10:43, 12/09/2020] Ser Insuportável: Na Minha
[10:43, 12/09/2020] 🏳️‍🌈♥️Eu♥️🏳️‍🌈: Entende
[10:43, 12/09/2020] Ser Insuportável: Vida
[10:44, 12/09/2020] 🏳️‍🌈♥️Eu♥️🏳️‍🌈: EU NÃO TE QUERO MAIS, EU NÃO GOSTO DE VOCÊ, EU NÃO TE AMO MAIS
[10:44, 12/09/2020] 🏳️‍🌈♥️Eu♥️🏳️‍🌈: Entende
[10:44, 12/09/2020] 🏳️‍🌈♥️Eu♥️🏳️‍🌈: EU TO FELIZ NAMORANDO UMA GAROTA INCRÍVEL
[10:44, 12/09/2020] 🏳️‍🌈♥️Eu♥️🏳️‍🌈: Entende isso
[11:10, 12/09/2020] Ser Insuportável: Mentiraaaaaaaaaa Pohaaaaaaa Para de mentir Pra mim Vc me ama Se Não amasse não teria me dado uma oportunidade
[11:10, 12/09/2020] 🏳️‍🌈♥️Eu♥️🏳️‍🌈: desculpa
[11:10, 12/09/2020] Ser Insuportável: E vc que não entende isso
[11:11, 12/09/2020] 🏳️‍🌈♥️Eu♥️🏳️‍🌈: mas acho q ta confundindo as coisas
[11:11, 12/09/2020] Ser Insuportável: Não
[11:11, 12/09/2020] Ser Insuportável: Não to
[11:11, 12/09/2020] 🏳️‍🌈♥️Eu♥️🏳️‍🌈: como eu tinha falando antes, EU CONFUNDI AMIZADE COM AMOR, EU NÃO QUERO VOCÊ MAIS, EU TO NAMORANDO COM UMA GAROTA, entende as coisas! Não se confunda, se tu acha q é mentira o trem deu ta namorando eu te mando print deu pedindo ela em namoro
[11:13, 12/09/2020] 🏳️‍🌈♥️Eu♥️🏳️‍🌈: entende cara: eu n quero vc
[11:14, 12/09/2020] Ser Insuportável: Olha eu posso ate se apaixonar por outra pessoa o que eu acho dificl e o coração obedecer Ele so pertence a vc Não vou deixar Vc Ir Eu amo vc e so quero vc Pra mim Não me peça para entender O impossível Mas eu peço para você compreender que eu te amo e eu não quero te perder
[11:16, 12/09/2020] 🏳️‍🌈♥️Eu♥️🏳️‍🌈: cara só supera
[11:16, 12/09/2020] 🏳️‍🌈♥️Eu♥️🏳️‍🌈: e para de encher a porra do meu saco
[11:16, 12/09/2020] 🏳️‍🌈♥️Eu♥️🏳️‍🌈: tu ta a quase 1 mês no meu pé
[11:17, 12/09/2020] 🏳️‍🌈♥️Eu♥️🏳️‍🌈: já n aquento mais vc
[11:17, 12/09/2020] Ser Insuportável: Fala o que vc quizer Mas eu não vou Desistir Ja disse Não vou
[11:19, 12/09/2020] 🏳️‍🌈♥️Eu♥️🏳️‍🌈: só para de manda msg
[11:19, 12/09/2020] 🏳️‍🌈♥️Eu♥️🏳️‍🌈: agradeço
[11:20, 12/09/2020] Ser Insuportável: Não Vou Para Vou mandar Ate Vc Perceber Que o unico Amor Da Sua Vida Sou eu
[11:22, 12/09/2020] 🏳️‍🌈♥️Eu♥️🏳️‍🌈: O porra, para de ser obcecado por mim! Eu n gosto de vc!!
[11:23, 12/09/2020] Ser Insuportável: Não dá sempre que eu penso em você meu coração dispara sempre que eu tô dormindo tô querendo contigo sempre quando eu não tô fazendo nada tô sempre pensando em você não dá para esquecer um grande amor
[11:23, 12/09/2020] 🏳️‍🌈♥️Eu♥️🏳️‍🌈: cara vc ta parecendo um psicopata obcecado, isso ta mt estranho e tbm fica mais estranho ainda pq vc é maior de idade, velho só para, só me deixa em paz Ai eu dei um block Minha namorada mandou mensagem pra ele falando que era pra ele parar de me incomodar, se ele quiser se amizade tava tranquilo que ela não se importava, mas que ele confundiu as coisas, etc (a mesma ladainha que eu já tinha falado) ele foi e xingo ela de todos os nomes possíveis e falou que a culpa de eu e o Cars terminamos era dela, sendo que a culpa foi minha de confundir as coisa E esse é o fim, espero que ele não me procure mais. Tenha um bom dia Sr. Leitor ^^
submitted by NaomyChan to TurmaFeira [link] [comments]


2020.09.12 00:25 TheLightOfTheAngel Segundo dia do primeiro cineminha

Então, como foi seu feriado? Viu nosso filme do cineminha transbr? Se sim q bom pq hj é dia de discutir sobre ele!! O filme votado foi A Garota Dinamarquesa, vamos conversar sobre ele, oq gostamos ou não e que filme devemos votar pra próxima semana. Fiquem de boa e bora resenhar q hj é dia de mod relaxar!
submitted by TheLightOfTheAngel to transbr [link] [comments]


2020.09.11 16:14 Golen_Br Música que eu fiz pra minha namorada.

Casal de engenheiros

Ele se acha
ela não
Mas ele diz pra ela:
-Você é perfeita
E ela responde que ele cego.

Assim fica complicado
se elogia não acredita
se fala mal
leva pro pessoal.

Mas é a garota pra mim
sim, é a garota pra mim

Nerd que nem eu
gosta de matemática
Anime ela tá vendo
quer engenharia
na mesma faculdade

Casal de engenheiros
é o que nós seremos
Todos vão pra festa
e nós vamos estar assistindo
Boku no Hero!

Ela sabe que é bonita
mas faz a egípcia
Ele não desiste
E nem pretende
fazê-la bem
é seu sonho
Mataria por isso.

Ela já fez algumas loucuras
e ele também
afinal quem é que não fez?
O passado é passado
a agora é que importa
E é o meu amor que bate à porta

Mas é a garota pra mim
sim, é a garota pra mim

Nerd que nem eu
gosta de matemática
Anime ela tá vendo
quer engenharia
na mesma faculdade

Casal de engenheiros
é o que nós seremos
Todos vão pra festa
e nós vamos estar assistindo
Boku no Hero!

Essa música é dedicada
letra cuidadosamente trabalhada
Pensada e planejada
mas mesmo assim não traduz
tudo que eu sinto por você.

Você errou, eu te perdoei
Eu errei, você me perdoou
Que continue assim, o perdão vai reinar
enquanto o amor durar.
O bom é que nossa fonte
se renova a cada dia.
Alimenta saudade, nutri a paixão
e só cresce a vontade de te ver.

Nerd que nem eu
gosta de matemática
Anime ela tá vendo
quer engenharia
na mesma faculdade

Casal de engenheiros
é o que nós seremos
Todos vão pra festa
e nós vamos estar assistindo
Boku no Hero!
Autor: Hokage das Sombras
submitted by Golen_Br to u/Golen_Br [link] [comments]


2020.09.11 05:46 guikamaral1 Ainda estou vivo. Not for a long time, i hope

A mais ou menos 1 ano eu vim aqui escrever uma espécie de carta de despedida. Naquele dia eu escrevi minha últimas palavras e em seguida tentei me matar, como podem ver, eu não consegui. O problema é que nada mudou, nunca fui feliz, apenas vivi dopado a vida inteira, eu não sei o que é a felicidade, o mais perto que eu cheguei foi quando eu estava sobre efeito de prozac.
Eu sempre fui o garoto de ouro, todo mundo gostava e conhecia, mas eu tive no máximo dois amigos, não me importava em fazer amizade. No 7° ano percebi que a vida não era pra mim, eu brincava que me mataria aos 18.
Chegou o ensino médio, nada mudou, tirando o fato que meus pais se separaram, honestamente, eu nunca superei isso. Eu vivia deprimido, me isolei e não fiz amigos. Antes eu vivia deprimido, agora eu vivo deprimido e sozinho, foi a fórmula perfeita para foder tudo.
No início do 2° ano eu conheci uma garota, que era igual eu, me apaixonei, por timidez dos dois, nunca foi pra frente. Foi um ano relativamente bom -tirando a minha tentativa de suicídio- pensamentos suicidas e a vontade de queimar a minha casa (eu não suporto ver outras pessoas substituindo a minha mãe, e nem a artificialidade que a minha família se tornou, nós éramos tão felizes) persistiu todos os dias.
Finalmente, chegamos em 2020, o meu suposto 3° ano, estou isolado o ano inteiro, com uma corda e um punhado de opióides no guarda roupa, não aguento mais essa vida, o meu suicídio é inevitável, então por que adiar ?
Isso é tudo pessoal, tentei escrever uma curta autobiografia, tentei não ser melodramático e nem falar dos meus problemas, pois aqui é o único lugar que vai ter a minha curta e pacata história, então vamos fingir que foi tudo muito feliz, né ?
OBS: isso não é uma carta de despedida, é só uma precaução do inevitável
A vida é um palco, atue o máximo possível antes de perder a sanidade. Obrigado pai, por esse conselho.
submitted by guikamaral1 to desabafos [link] [comments]


2020.09.10 07:32 Neither_Patience_502 Qual o motivo da minha existência?

Eu nasci em 2007,e fui abusado aos 5 anos,em 2012,uma garota estava cuidando de mim,ela tinha uns 12 anos,e não quero revelar ela,então vamos chamar ela de.....Vaginalva..... Vaginalva cuidava de mim frequentemente quando os meus pais saiam,e nesse dia,não foi diferente,eu estava na casa dela,até que eu sentir uma vontade de urinar,então,Vaginalva me levou ao banheiro,e me ajudou a urinar,mas quando eu terminei,ela não havia soltado o meu órgão genital,mas eu fiquei quieto,pensando que ela apenas estava esperando as aquelas últimas gotinhas de urina caírem,mas então,ela começou a fazer um movimento estranho com a mão,deslizando ela sobre o meu pênis de cima para baixo repetidamente,e então,aconteceu uma coisa estranha,que na época eu não sabia o que era, e então,quando eu fiquei ereto,ela soltou o meu órgão genital.....se agachou,tirou as calças,e expôs a vagina para mim.
Ela então falou algo como "Eu quero que você coloque aqui dentro" ou alguma coisa assim.
Eu então sem entender,fiquei sem reação,eu fiquei parado,mas então,ela me pegou pelos quadris,e me forçou a penetrá-la,quando eu entrei,eu senti algo estranho.....era bom.....e então,eu começei a penetrar ela,ah,um detalhe que eu esqueci de mencionar.....uma amiga dela estava junto,me incentivando.
Mas quando depois de um tempo,eu novamente senti vontade de urinar,eu então urinei de novo com a ajuda da Vaginalva,e nós voltamos para a sala,e eu fiquei assistindo desenho animado.
Uma mês se passa,e eu começo a me sentir mal,um sentimento estranho,como um vazio. Eu não falei para os meus pais,então,eu apenas fiquei calado,me silenciei.
20/5/2017 (eu descobri o estupro,abuso,e alguns meses antes,a pornografia)
Eu comecei a suspeitar que eu teria sido abusado,então,em um dia fatídico eu falei uma coisa para o meu pai "Pai,eu perdi a virgindade com a Vaginalva."
Porém,ele me interpretou errado,achando que eu estava falando de um jeito bom,então ele apenas me elogia,e nós continuamos o percurso para a minha escola.
(Nessa época eu já sofria bullying,eu sofria bullying dos meus melhores amigos desde os meus 7 ou 8 anos, porquê eu era meio gordinho,e era fácil de ser provocado emocionante.)
Eu desenvolvi depressão 5 meses depois desse acontecimento.
Aos 12,me vi em um quadro de depressão bem alta,(pensamentos suicidas,vontade enorme de se auto multilar,e comecei a não usar facas, porquê eu sentia uma grande vontade de me cortar) mas aí,eu conheci os meus amigos,vamos chamar o meu grupinho de amigos de.....o bonde do fracasso.....a gente estabeleceu uma grande amizade e laços bem fortes,e então,fomos para o sétimo ano,e depois de um tempo...
P A N D E M I A
Eu escondo a tristeza com a risada...
agora,aqui estou eu,resumindo minha vida brevemente para vocês,eu me acho um ser vazio,que não tem sentido para existir,e que é um puro desperdício de células,e agora,eu faço novamente a pergunta...
Qual o motivo da minha existência?
submitted by Neither_Patience_502 to desabafo [link] [comments]


2020.09.09 04:41 kriskastro Cada vez mais quebrado e tentando juntar os cacos

Gente, já li de tudo por aqui e adoro os temas sobre relacionamento. Dessa vez chegou a minha vez de desabafar. : PS: Sorry pelo textão, mas é que eu preciso externar um pouco de tudo pra ver se me serve de alguma coisa.
Já não sou mais um adolescente, mas também não chego a ser já um adulto de meia idade; mas tá perto rs. Tenho 27 anos, já beirando os 28. Nunca engatei definitivamente em um relacionamento sério e nem sei se sou preparado para isso efetivamente, serio mesmo. Minha família é meio fudi* sobre relacionamentos. Pais separados, confusões aqui e ali e até pelo que pude perceber sobre os que estão além dos meus pais, digo tios e tias, a situação não é muito animadora ou exemplar. Enfim, sinto até que de alguma forma por não ter bons exemplos ou referências em casa isso de alguma forma pode ter me afetado, me travado, ou até mesmo me ter deixado com um certo nível de ansiedade/panico. Sei lá. Moro com a minha mãe ainda e meu irmão mais novo.
Sou uma pessoa que simplesmente não sai e resolveu viver isolado na sua própria bolha; diria até que com poucos amigos próximos, digamos assim... (sabe daqueles que você pode literalmente contar com eles para o que der e vier? Pois é.). Já sou formado, pago as próprias contas, ajudo até de certa forma a segurar ainda a estrutura financeira abalada em casa. SIM, meu pai era o provedor do dinheiro como toda "família tradicional" brasileira; mas hoje me dia minha mãe já tem a fonte de renda dela que se complementa com a minha. E meu pai acho que ainda ajuda só por conta do meu irmão mais novo mesmo.
Enfim, sinto que o tempo vai passando e passando e a maneira como eu vivo hoje me incomoda. Não quero ter esse papel de "pai provedor" da família que eu ainda não tive, se é que me entendem. Sinto que preciso mudar e sair dessa zona de (des)conforto, mas ao mesmo tempo vivo um dilema entre a responsabilidade para com aqueles que estão comigo e a vontade de construir algo meu, a minha própria história. Agora assim, sair de casa pra (sobre)viver e ficar a ver navios é foda, até pq a vida sozinho é bad trip total. Nessa parte, já quero introduzir o tema o relacionamento que até então são inexistentes; penso que de alguma forma quando você tem alguém que vale a pena você lutar para que as coisas deem certo, e obviamente a pessoa também queira, de alguma forma os dois conseguem encontrar alguma felicidade em meio a tudo, mesmo diante das dificuldades.
Mas vamos lá que já estou é divagando aqui. Sobre relacionamentos: sou uma pessoa extramente fechada. Não saio. Como disse, sou de poucos ou quase nenhum amigo próximo. Não considero conhecidos ou colegas de trabalho como alguém que se pode contar muito, sabe. Obviamente pra não pirar da batatinha, pelo menos cresci aderindo ao hobby de jogar video games pra aliviar um pouco o estresse e até a deprê - na verdade herdei esse hobby da adolescência e acho que os sentimentos meio depressivos também. Tenho ps4 que mal jogo hoje em dia, mas ainda me divirto um pouco no pc com uma galera muito massa no lol kk. SIM. 27 anos jogando ainda League of Legends. Mas voltando... pra piorar um pouco, tenho de certa forma uma atração, ou sei lá um imã, pra garotas que são bem peculiares, digamos assim.
O meu primeiro contato na adolescência que talvez pudesse ter rendido um relacionamento foi com uma garota que conheci no Tinder. Eu deveria ter uns 17 anos mais ou menos. Nem tinha entrado na faculdade. Ela era gata e inteligentíssima, mas não me recordo o nome dela. Sente o drama: depois de semanas conversando e praticamente se descobrindo quase que nascidos um pro outro, ela me revelou que fazia tratamento para câncer e já faziam anos e mais anos na luta. As fotos dela eram de peruca, sabe. Tanto que depois de semanas ela começou a me mostrar as fotos já carequinha. Ela morava no interior e vinha de tempos em tempos aqui pra cidade fazer o tratamento dela. O namorado dela a deixou depois dessa bad trip. Enfim, um negócio pesadíssimo. Quase como A culpa é das estrelas. : O tempo passou, coisas aconteceram, a vida foi entrando numa velocidade frenética. A faculdade chegou, as provas, os semestres, os estágios, a rotina maluca e simplesmente fomos aos poucos deixando de nos falar e eu simplesmente não sei o final dessa história. Mas me arrependo quase que amargamente de não ter ido conhecer ela pessoalmente independente do desfecho.
Na faculdade, me apaixonei por uma garota. Mas nem vou me alongar muito. A thread da facul: depois de anos estudando juntos, me declarei pra essa garota e para minha surpresa uma amiga nossa em comum também fez a mesma coisa. A garota da história é bi e eu tinha total consciência sobre isso, mas só fiz o que meu coração mandou. Enfim, esse negócio não foi nem pra frente e nem pra trás. Nem eu e nem a nossa amiga em comum ficou/namorou essa garota. Mais uma vez o tempo foi passando e passando... até que terminei a faculdade e até onde tive notícias, hoje a garota que eu era apaixonado está namorando um cara aí. Enterrei esse amor e deixei o tempo cumprir o papel dele. Aconteceram outras coisas na faculdade também entre eu e uma outra miga, mas nem vou comentar pq não vem ao caso, simplesmente não era para ser e pronto e o pior é que até transa sem camisinha rolou kk #medo, mas calma que teve pilula e teste após isso. Então, nada de filhos não programados. Amém.
Após a facul e agora sim em um tempo mais recente. No trabalho, há uns dois anos atrás descobri que uma garota era perdidamente apaixonada por mim. Isso era novidade pra mim que já estava acostumado só com amor não correspondido, mas o drama aqui é que eu simplesmente não sentia a mesma coisa por ela. Olha só que ironia, não? Isso é foda, pq eu sabia como era gostar de alguém e isso não ser recíproco. Mas enfim, a garota foi demitida e com a demissão acho que foi-se qlq esperança de se construir algum amor - isso para os que acreditam que esse trem é construído tijolinho, por tijolinho. Eu só simplesmente não sei como funciona, desculpa.
Há seis meses atrás ou até mais, meu coração resolveu bater mais forte por alguém mais uma vez. Mais uma coisa que simplesmente não sei o pq diabos acontece, mas já aceitei que a vida é assim. Ela é uma colega de trabalho. O tempo passou, ficamos íntimos, conversamos muito, mas muito mesmo sobre absolutamente tudo. Literalmente tudo. A pandemia chegou e até hoje estamos de home office :p. O drama aqui é que eu resolvi me declarar para ela. Abri o jogo. Coloquei as cartas na mesa e joguei para ver o que iria dar. Como resposta tive um surpresa e um desagrado ao mesmo tempo. A surpresa foi em saber que ela se preocupa comigo tanto quanto eu me preocupo com ela, mas amigos... o sentimento que temos um do outro é bem diferente. Infelizmente! Ah e o drama aqui não vou entrar em muitos detalhes, mas a thread só não chega a ser pior do que a minha primeira história e a segunda. Talvez seja pior que a segunda. Envolve uma infância bem conturbada da parte dela, abusos do pai e até relacionamentos abusivos de ex. Mas como disse, não vou entrar em detalhes. Enfim, essa semana tive a noticia de que ela está com um cara ai e é isso, amigos. Mais uma vez quebrei-me em mais um monte de pedaços antes mesmo de saber o que é um relacionamento.
Agora assim, sabe o que é o pior de tudo? A sensação de baixa-autoestima que você acaba criando e acho que até uma certa ansiedade/nervosismo ou sei lá o que. Um sentimento quase como: qual é o meu problema? Será que eu não sou uma pessoa interessante? Estou fora do padrão do que costumam encontrar por ai? Enfim, neuroses que nem vale a pena perder tempo pra não cultivar bad trips. O tempo só vai passando e não há nada que eu possa fazer a respeito a não ser aceitar que as coisas são como são e pronto. E que simplesmente não sirvo para relacionamentos. Talvez isso me conforte de alguma forma.
submitted by kriskastro to desabafos [link] [comments]


2020.09.07 09:49 Jaymaplease Isso é apenas um desabafo,leia apenas se quiser (é bem longo)

Então,pra começar com esse deasabafo eu vou começar dizendo que toda vez que olho pra mim mesmo tanto no rosto quando meu corpo em geral,eu me sinto bem triste,e tipo,não é porque as garotas e garotos não vão querer ficar comigo,pra falar a verdade eu prefiro morrer sozinho,é so que,eu penso que poderia ser melhor sabe,ser mais bonito pra poder me olhar no espelho e se sentir bem com oque vê,e também,minha mãe (de consideração,jaja eu explico) tem homofobia,e ela não tem um cerebro avançado,logo,ela não vai entender oque é pansexual e vai achar que eu do o cu,oque poderia ser verdade se eu não tivesse 14 anos,mas enfim,ela comcerteza vai parar de me apoiar,e como ela não sabe que eu sou pan,ela ta na esperança de mim ter uma esposa...agora o fato dela ser a minha mãe de consideração é bem simples,errr pra resumir bem,minha mãe biológica simplesmente me abandono quando eu tinha 3 anos de idade,o motivo eu não sei,mas abandonou e também,meu pai antigamente me tratava tão mal,mesma coisa com minha mãe de consideração,tipo,ele realmente batia nela,e isso me causou muitos traumas,teve uma vez que foi dormir:eu,ela e ele juntos (minha mãe dormia com meu meio irmão) e se inicia esse seguinte diálogo Minha mãe:ta meio apertado aqui Eu: "então sai p" (é um apelido dela,por algum motivo) Meu pai com um tom de voz bravo: "É SAI LOGO" ele ta uns 3 tapa nas costa da minha mãe e ela tentando pegar o celular dela mas acaba saindo -meu celular eu procuro o celular e acho Meu pai: "ME DA ESSA POHA" eu do o celular pra ele e ele arremessa na parede minha mãe tenta pegar o celular mas ele "avança" nela mandando ela sair e ela sai Depois de um tempo ela consegue pegar Isso foi só um dos traumas...e hoje,ele age como se nunca tivesse feito isso
Bem,eu vou contar mais uma vez que meu pai foi um merda
Certa vez,minha mãe veio com uma bolsa cheia de maquiagem,e eu fui ver,e tinha um pincel de olho,e eu começo a passar ele,meus pais meio que falam de um negócio,meu pai fica puto por algum motivo e bate na bolsa,derrubando tudo,eu fiquei calmo e fui ajudar minha mãe e dei tudo pra ela e ela foi pro quarto dela No quarto: Eu com o pincel de olho na mão: "vamo fazer o seguinte,eu fico com esse pincel e te devolvo amanhã" Ela: "me da essa merda" e guarda o pincel No outro dia eu fui mexer nas coisa dela e achei o pincel,e voltei a passar no olho (nesse mesmo dia eu tinha arrancado a capa de um dicionário) e quando meu pai acorda Ele: "QUE MERDA TU FEZ" e mostra o dicionário (Eu não lembro oque ele falou depois disso mas eu disse que não sabia que ia usar o dicionário ou algo assim) Ele: "SABIA SIM" e vai no quarto do meu irmão Ele pega o pincel e diz "GUARDA ESSA POHA VIROU MULHER FOI?!" e joga o pincel na minha cara E eu guardo (óbvio,eu chorei)
E foi isso,não tem nenhum flair porque eu não considero uma história ou nice people,mesmo tendo os 2,se possivel,eu gostaria que os moderadores adicionassem um "flair" só para desabafos,o motivo é porque existem pessoas em estados piores que eu e não podendo desabafar porque não confia nas pessoas,mas saiba pessoa que esta lendo isso,você pode sempre contar com a parte acolhedora da turma,beijos ♡
submitted by Jaymaplease to TurmaFeira [link] [comments]


2020.09.06 14:17 DemonFranco É possível mesmo duas pessoas se relacionarem de forma PURAMENTE sincera?

Até os 18 anos (hoje tenho 22) eu fui extremamente introvertido, com pouquíssimo contato com a realidade do mundo. Desde moleque desenvolvi uma vontade muito forte de ter aquele clássico relacionamento vitalício (não perfeito, mas no mínimo sincero e recíproco) que se vê em filmes de romance ou animes tipo Naruto. Na verdade, lá no fundo, ainda tenho essa vontade. Mas essa vontade foi minha perdição, pois dediquei demais à pessoas que não estavam dispostas a fazer 5% do que eu estava.
A primeira decepção foi com, claro, meu primeiro amor: nunca amei tanto alguém como amei aquela garota. Fiz de tudo pra me aproximar dela, fui até em sua casa pedi-la em namoro, e o pior é que ela aceitou sem me desejar. Passamos 2 anos nos "relacionando" sem um abraço sequer e com conversas vazias, até chegar o dia em que ela decidiu ser sincera (hoje eu vejo que tudo era bem óbvio, mas minha introversão tinha me tornado muito inocente). Logo depois arrumei uma webnamorada, com quem namorei por foto e vídeo até conseguir um emprego aos 19 e conseguir visitá-la: perdi 4 dias de trabalho sem atestado, quase fui demitido e viajei SOZINHO pra São Paulo mesmo sendo que não saía pra jogar bola na rua. Finalmente, então, perdi meu bv e minha virgindade. Apesar de que voltei pra casa feliz e realizado com a nova etapa do relacionamento, a mesma terminou comigo uma semana depois, com desprezo e raiva em suas palavras e até hoje não entendo porquê. Vida que segue, comecei a me socializar mais, ir em festas, conhecer novas pessoas, e na própria empresa em que eu trabalhava conheci uma garota que me admirava por minha espontaneidade. Ela também era muito introvertida, vem de uma família evangélica extremamente violenta e ríspida, então eu senti que poderia "salvá-la" mostrando os prazeres do mundo fora da caixa do preconceito. Sempre deixei claro a ela que gosto de tudo o que o cristianismo lhe ensinou a fugir: bruxaria, cannabis, liberdade de expressão, etc. Logo, desde o início estávamos cientes de que nada seria fácil, mas eu estava disposto a enfrentar tudo aquilo e muito mais, inocentemente acreditando que isso a inspiraria a fazer coisas parecidas por mim. Engoli muitos absurdos retrógrados vindo de sua família e fingi com todas as minhas forças ser alguém que não sou (algo que desprezo e talvez não tenha feito muito bem), resistindo por "Só mais alguns anos, e vamos sair daqui". Bom, acontece que todos os meus estímulos liberais incentivaram ela a descobrir que é lésbica - e por mim tudo bem, de verdade. O problema foi que ela omitiu isso até o último dia, fingindo estar tudo bem e ainda alimentando nossos projetos futuros. No dia do término, eu fui em sua casa porque ela estava estressada, na intenção de melhorar o mínimo que fosse do seu dia. Ela me deixou ir embora pra terminar por mensagem do Facebook de sua mãe; insisti pra ela pelo menos falar o que tinha pra falar me olhando nos olhos, mas ela me tratou como se fosse um qualquer e realmente não queria nunca mais me ver.
Até então essa é minha história amorosa, mas eu também contei demais com amizades e todas (exceto uma) me decepcionaram. Comecei minha vida social com dois de meus primos (um deles é a mencionada exceção), mas o outro simplesmente se afastou de nós sem razão aparente - isso foi frustrante pra mim porque eu gosto muito dele e de seu irmão, mas nunca foi recíproco. Depois disso conheci o cara mais problemático que já passou na minha vida: 100% egomaníaco, repleto de defeitos gritantes que qualquer um com um pouco de amor próprio não investiria sua saúde mental para suportar. Mas eu, trouxa, fui diferente. Aguentei todos os seus absurdos, surtos sem sentido, falso senso de superioridade, ego frágil e invejoso, ciúmes até da minha ex (sim, hoje eu sei que ele gostava de mim mais que como amigo), enquanto via seus outros conhecidos pouco a pouco se afastarem dele. Ele foi o primeiro """""bruxo"""""" (entre muitas aspas porque a prole só sabia o que tinha pesquisado no Google e lido em revistas de banca) que conheci e, como eu valorizo muito conhecimento esotérico e não sabia de nada quando o conheci, confiei em todas as suas palavras e atitudes. E continuaria assim, se ele não tivesse tentado me agarrar enquanto fingia estar incorporando minha deusa-mãe. Na cabeça dele era um pretexto perfeito, já que essa mesma deusa está relacionada ao sexo e eu sou bi. Mas, sério, nunca vi alguém com tanto sex appeal negativo quanto esse cara. Simplesmente parei de conversar com ele, não dei satisfação alguma porque ele sabe muito bem o que aconteceu. Mas seu ego frágil não deixou isso barato: hoje eu passo na rua e todos os amigos que tínhamos em comum nem me cumprimentam mais, e de longe olham torto ou fingem que não me viram. Coincidência? Acho que não. Agora, em tempos de quarentena que está ainda mais difícil conhecer pessoas novas e criar qualquer tipo de relacionamento (como se já não fosse um desafio pra alguém que cresceu introvertido), me sinto sozinho e essa infelizmente é a melhor opção pro momento. Mas eu não quero deixar minha vontade morrer: quero de verdade dividir uma vida com alguém, compartilhar histórias que só nós vivemos, entender o que ela pensa só de olhar nos olhos. Isso é utópico demais? Será que ainda tô vivendo nos meus 17 anos?
submitted by DemonFranco to desabafos [link] [comments]


2020.09.05 04:27 frdnt Despindo o Homem Encapuzado

A teoria abaixo é parte de uma serie de textos escritos por Cantuse em seu blog. Link: https://cantuse.wordpress.com/2014/09/30/the-hooded-man-uncloaked/
-------------------------------

O MANIFESTO : VOLUME II, CAPÍTULO III

Provavelmente, um dos maiores mistérios de A Dança dos Dragões é a identidade do homem encapuzado. Muitas pessoas foram propostas, de Robett Glover a Harwin e ao próprio Theon em algum estado dissociativo.
No entanto, acredito que posso fazer uma conclusão mais convincente de que o homem encapuzado não é nenhuma dessas opções mais conhecidas. Este ensaio explica minha teoria sobre o homem encapuzado e seu propósito em Winterfell.
Colocando minhas cartas na mesa, aqui estão as principais afirmações que faço:
NOTA: Este ensaio pode ser controverso em sua construção e conclusões. Deve-se notar que a identidade do homem encapuzado não é verdadeiramente crítica para que o restante do Manifesto valha a pena. Este ensaio é bastante independente, não afetando mais nada no Manifesto.
Em outras palavras, se você não gosta deste ensaio, pode simplesmente ignorá-lo e continuar.
[...]

PRIMEIROS SINAIS DO GIGANTE

Eu gostaria de um breve momento para destacar algo importante.
– Para lutar com Lorde Stannis, temos que encontrá-lo primeiro – Roose Ryswell observou. – Nossos batedores saíram pelo Portão do Caçador, mas até agora nenhum deles retornou.
(ADWD, Um Fantasma em Winterfell)
Batedores estão desaparecendo do lado de fora do Portão do Caçador. Este é o mesmo portão onde Mors Crowfood parece chegar um ou dois dias depois:
O rufar parecia estar vindo da Matadelobos, além do Portão do Caçador. Estão do lado de fora das muralhas.
(ADWD, Um Fantasma em Winterfell)
O desaparecimento dos batedores parece algo pelo qual Mors seria responsável. É consistente com o que encontramos no capítulo liberado de Theon de Os Ventos do Inverno: construir obstáculos e impedir ou matar aqueles que saem dos portões. No mínimo, Mors não quer que nenhum batedor encontre seu bando de garotos e informe a Roose Bolton.
Mais importante, os batedores ausentes indicam que Mors estava realmente fora de Winterfell há pelo menos um dia (talvez mais) antes de tocar seus berrantes de guerra.
Mas por que ele ficaria lá aguardando em segredo?
Para responder a essa pergunta, temos que mergulhar no mistério do homem encapuzado.

O IDIOTA DOS RYSWELL

É difícil imaginar o tipo de mente obtusa que é necessária para ser Roger Ryswell. Há algo de suspeito sobre a magnitude e a natureza de sua idiotice.
O Idiota dos Ryswell
Eu gostaria de um momento para mostrar algumas passagens:
– Um bêbado – Ryswell declarou. – Mijando da muralha, aposto. Escorregou e caiu.
(ADWD, Um Fantasma em Winterfell)
:::
– Esses mortos eram todos homens fortes – disse Roger Ryswell –, e nenhum deles foi apunhalado. O Vira-Casaca não é nosso assassino.
(ADWD, Um Fantasma em Winterfell)
:::
Roger Ryswell grunhiu.
– Se não é ele, quem é? Stannis tem algum homem dentro do castelo, isso está claro.
(ADWD, Um Fantasma em Winterfell)
:::
Ryswell não estava convencido.
– Ele, no entanto, ama seus bifes, costelas e tortas de carne. Rondar o castelo na escuridão exigiria que deixasse a mesa. O único momento em que faz isso é quando procura a latrina para uma de suas longas horas agachado.
(ADWD, Um Fantasma em Winterfell)
Vejam, pode ser apenas eu, mas não parece que ele está quase deliberadamente negando qualquer explicação possível para os assassinatos?
Da perspectiva de um leitor, não é também uma estranha coincidência que Roger faz afirmações que contradizem vários truques que nós realmente vimos em A Dança dos Dragões:
Roger nega que as três diferentes conspirações que descobrimos sejam verdadeiras ou se tornarão verdadeiras posteriormente no livro e rapidamente descarta o restante.
Como uma pessoa consegue ser tão boa em acidentalmente impedir uma investigação de assassinato?
Falta de contato visual
Quando você pensa no Homem Encapuzado e na descrição que temos dele, existem apenas dois detalhes que vêm à mente: sua capa e seus olhos.
Mais adiante, cruzou com um homem que vinha na direção oposta, uma capa com capuz agitando-se atrás dele. Quando se encontraram frente a frente, seus olhos se encontraram brevemente. O homem colocou a mão na adaga.
– Theon Vira-Casaca. Theon assassino de parentes.
(ADWD, Um Fantasma em Winterfell)
Assim, vemos que Theon dá uma rápida olhada na capa do homem. Vemos também que Theon evita contato visual com o homem.
Essa falta de contato visual pode ser importante para determinar a identidade do homem encapuzado. Não há dúvida de que Theon evita o contato visual em geral, podemos supor que isso aconteça de vez em quando.
No entanto, gostaria de apontar outro exemplo muito interessante que mostra Theon evitando deliberadamente o contato visual ou olhar para o rosto de uma pessoa:
Pernas de Aço o levou pelo Grande Salão, até o solar que certa vez fora de Eddard Stark. Lorde Bolton não estava sozinho. A Senhora Dustin estava sentada com ele, o rosto pálido e severo; um broche de ferro com o formato de uma cabeça de cavalo prendia a capa de Roger Ryswell; Aenys Frey estava em pé perto do fogo, as bochechas vermelhas com o frio.
– Me contaram que você anda vagando pelo castelo – Lorde Bolton começou. – Homens reportaram terem visto você nos estábulos, nas cozinhas, nos barracões, nas ameias. Foi observado perto das ruínas das torres caídas, do lado de fora do velho septo da Senhora Catelyn, indo e vindo do bosque sagrado. Nega isso?
– Não, ‘nhor. – Theon fez questão de falar mal a palavra. Sabia que aquilo agradava Lorde Bolton. – Não consigo dormir, ‘nhor. Eu caminho. – Manteve a cabeça baixa, olhos fixos nas velhas tábuas corridas no chão. Não seria sábio olhar sua senhoria no rosto.
(ADWD, Um Fantasma em Winterfell)
Você notou o rosto que Theon não conseguiu explicar?
A Senhora Dustin estava sentada com ele, o rosto pálido e severo; um broche de ferro com o formato de uma cabeça de cavalo prendia a capa de Roger Ryswell; Aenys Frey estava em pé perto do fogo, as bochechas vermelhas com o frio.
(ADWD, Um Fantasma em Winterfell)
Por que obtemos descrições dos rostos de Barbrey Dustin e Aenys Frey, mas apenas a capa e o broche de Roger Ryswell? Ora, mesmo que Theon não olhe para Roose Bolton, ele pelo menos explica a razão para não fazer isso.
Tenha em mente que este interrogatório acontece logo após o encontro de Theon com o homem encapuzado, então o contato visual furtivo pode ser um indicativo de um comportamento continuado daquele encontro anterior.
Além disso, um detalhe extremamente pequeno é que Theon se detém na capa de Roger, o único outro detalhe que temos sobre o homem encapuzado.
Existem outros elementos interessantes do interrogatório de Theon:
Dedos perdidos
Quando a Senhora Dustin exige que Theon remova suas luvas: Roger Ryswell não mostra nenhum interesse nos dedos perdidos de Theon. Os outros participantes (Barbrey Dustin e Aenys Frey) comentam especificamente sobre suas mãos. Ryswell não o faz, em vez disso, descarta imediatamente Theon como um suspeito, não com base nos dedos, mas na falta de força de Theon. Ele também o chama de vira-casaca aqui. Talvez sua falta de interesse nas mãos de Theon seja porque ele acabou de vê-los.
Vassalos rivais
A outra coisa interessante sobre Ryswell aqui é sua aversão particular por Wyman Manderly. Embora insultar o personagem de Manderly seja muito comum, Manderly e Ryswell não têm grandes motivos para animosidade e, portanto, as observações de Ryswell sobre Wyman parecem bastante enfáticas:
– Ele, no entanto, ama seus bifes, costelas e tortas de carne. Rondar o castelo na escuridão exigiria que deixasse a mesa. O único momento em que faz isso é quando procura a latrina para uma de suas longas horas agachado.
(ADWD, Um Fantasma em Winterfell)
Este é um insulto particularmente venenoso.
Há um homem no norte que fez comentários grosseiros deste tipo sobre Wyman. Mors Papa-Corvos Umber:
– Manderly? – Mors Umber fungou. – Esse grande saco bamboleante de banha? Seu próprio povo caçoa dele, chamando-o de Lorde Lampreia, segundo ouvi dizer. O homem quase não consegue andar. Se espetasse uma espada na sua barriga, dez mil enguias torceriam-se para fora.
(ACOK, Bran II)
Os Umbers e Manderlys são conhecidos por entrarem em conflito por várias questões, como a herança das propriedades da Senhora Hornwood. Independentemente de qualquer trégua atual que possam ter, Mors continua sendo uma pessoa improvável de conter tais comentários depreciativos.
Agora você pode ver que estou começando a afirmar os dois pontos a seguir:
Devo admitir que, até agora, apresentei evidências interessantes, porém circunstanciais.
Não tenho dúvidas de que esses pontos parecem apenas parcialmente sólidos até agora. Mas tenha fé. O resto virá em alguns instantes.

O GRILHÃO DE RUBI

Então, onde está o “grilhão de rubi” - a braçadeira que Melisandre colocou em Mance Rayder em A Dança dos Dragões?
Sabemos que esse grilhão parecia criar e sustentar um glamour (ou ilusão), que Mance Rayder era na verdade Camisa de Chocalho.
Esta parece ser uma ferramenta incrivelmente valiosa, especialmente quando se fala sobre os tipos de atividade furtiva em que Mance e Mors estão envolvidos.
Então onde está? O que pode ser feito com isso?
Mance Revelado
Em primeiro lugar, sabemos que Mance não está usando a braçadeira de rubi, ou que ela pelo menos está desativada. Sua aparência como Abel é muito parecida com sua aparência original em A Tormenta de Espadas:
Uma mulher grávida estava em pé junto a um braseiro, cozinhando algumas galinhas, enquanto um homem grisalho com um esfarrapado manto preto e vermelho estava sentado numa almofada, de pernas cruzadas, tocando uma alaúde e cantando.
(ASOS, Jon I)
O Rei-para-lá-da-Muralha não se parecia em nada com um rei, e tampouco se parecia com um selvagem. Era de média estatura, magro, com feições bem definidas, astutos olhos castanhos e longos cabelos castanhos já quase totalmente grisalhos.
(ASOS, Jon I)
Os dedos de Abel dançavam pelas cordas de seu alaúde. A barba do cantor era castanha, embora seu longo cabelo já estivesse em grande parte cinza.
(ADWD, Theon)
Então, como ele removeu o grilhão de rubi?
O texto deixa claro que o grilhão de rubi não interfere de forma alguma com o livre arbítrio de Mance, conforme implícito no conforto de Melisandre de que suas visões diriam se Mance era uma ameaça para ela, e em ela sentir que ter o filho de Mance é o que obriga a sua lealdade.
Com isso em mente, não há razão para deixar a algema em Mance.
Um fator adicional é o fato de que a Camisa de Chocalho é absolutamente horrível. Ninguém acreditaria que ele é um cantor e artista, e mesmo que acreditasse, sua aparência mereceria mais escárnio do que qualquer outra coisa.
Além disso, Melisandre tem interesse em ver Mance bem-sucedido. Se o grilhão de rubi pode ajudar nessa tarefa, parece não haver razão para que ela interfira. Afinal, a missão de Mance é vital para a campanha de Stannis, quão importantes são os segredos dela em comparação a isso?
As regras do jogo
Melisandre revela alguns dos mecanismos internos de seus glamours:
– Os ossos ajudam – disse Melisandre. – Os ossos se lembram. As seduções mais fortes são construídas com tais coisas. Uma bota de um homem morto, um tufo de cabelo, um saco de dedos da mão. Com palavras suspiradas e orações, a sombra de um homem pode ser tirada de um e vestida em outro como um manto. A essência de quem veste não muda, apenas sua aparência.
(ADWD, Melisandre)
Isso é interessante porque é incoerente com as preferências de Martin sobre a implementação de magia em romances de fantasia:
Eu simpatizo mais com a maneira como Tolkien lidou com a magia. Eu acho que se você vai fazer magia, ela perde suas qualidades mágicas caso se torne nada mais do que um outro tipo de ciência. É mais eficaz se for algo profundamente desconhecido e maravilhoso, e algo que pode tirar o fôlego.
(George RR Martin sobre magia vs ciência: Weird Tales)
Isso sinalizar imediatamente para os leitores de que algo importante está acontecendo aqui: Martin decidiu que revelar o mecanismo interno dos feitiços era mais importante para a história do que preservar o encanto da magia.
Embora isso não seja evidência de nada em particular, certamente deixa aberta a possibilidade de que Martin não apresentou desordenadamente os mecanismos subjacentes do glamour sem um bom motivo. O trecho sobre glamours é notável precisamente porque não é característico de sua representação da magia em As crônicas de gelo e fogo .
Deixando de lado as opiniões de Martin sobre magia na ficção, também é notável que Melisandre forneça essas explicações naquele momento. Afinal, supostamente nunca mais veremos o glamour ou o grilhão de rubi novamente. Por que se preocupar em explicar tudo, se é irrelevante para Mance ou Jon Snow?
Juntas, essas ideias soam como se Martin pensava que os glamours eram importantes o suficiente para explicar aos leitores, sugerindo importância futura.
Quem está com o grilhão?
Se Mance não está usando a algema, onde está?
A melhor maneira de lidar com essa questão é considerar a origem primeira... quem terá autoridade final sobre quem fica com o grilhão?
Melisandre.
Agora reflita:
Faz todo sentido do mundo que ela o deixe usá-lo. Não há absolutamente nenhuma evidência de que Jon o tivesse, e é altamente duvidoso que ela o daria a outra pessoa ou privaria Mance de sua utilidade.
Isso significa que Melisandre deu o grilhão a Mance, colocando-o em posição de dá-la a qualquer pessoa que encontrar. Portanto, a ideia de que Mors Papa-Corvos estava com o grilhão é, no mínimo, plausível.
A ideia de que Mors está com o grilhão faz muito sentido: fornece a ele uma maneira de acessar Winterfell e garantir que tudo esteja pronto para a missão de resgate. Afinal, Mors deve ter considerado a possibilidade de que Mance falhou em sua missão, Mors não poderia simplesmente tocar sua bateria e soprar suas buzinas indefinidamente.
No entanto, fazer 'muito sentido' e ser a resposta definitiva são duas coisas muito diferentes. Será necessário investigarmos mais para tornar esta afirmação convincente.
* * *
Não, não expliquei nem articulei que Mance sabe usar a braçadeira. Mas acredito que o convencimento de que o grilhão será usado pode ser feito sem que este fato seja revelado.

MORTE DE UM RYSWELL

Se eu acredito que Ryswell é um antagonista secreto?
Não. Roger Ryswell está morto .
Deixe-me explicar.
Um broche de cabeça de cavalo
Roger Ryswell usa um broche ímpar para prender sua capa:
um broche de ferro com o formato de uma cabeça de cavalo prendia a capa de Roger Ryswell
(ADWD, Um Fantasma em Winterfell)
Lembre-se do que Melisandre disse:
– Os ossos ajudam – disse Melisandre. – Os ossos se lembram. As seduções mais fortes são construídas com tais coisas. Uma bota de um homem morto, um tufo de cabelo, um saco de dedos da mão. Com palavras suspiradas e orações, a sombra de um homem pode ser tirada de um e vestida em outro como um manto. A essência de quem veste não muda, apenas sua aparência.
(ADWD, Melisandre)
Parece ser uma observação justa que o broche (e talvez a capa) seria uma fonte ideal para um glamour.
A confusão de Theon
Havia uma passagem no início de A Dança dos Dragões que sempre me intrigara:
Uma coluna de cavaleiros veio logo atrás, liderada por um fidalgote com uma cabeça de cavalo em seu escudo. Um dos filhos de Lorde Ryswell, Fedor soube. Roger, ou talvez Rickard. Ele não sabia quem era quem quando estavam separados.
– Estes são todos? – o cavaleiro perguntou, do alto de um garanhão castanho.
(ADWD, Theon)
Portanto, vemos que Theon tem problemas para diferenciar Roger de Rickard. É possível então que ele pudesse confundir os dois, dentro de determinadas circunstâncias.
Tenho certeza de que a confusão não está presente em situações de grupo, em que seria capaz deduzir qual deles era com base nas ações dos demais. Essa confusão seria mais proeminente em situações em que ele não tivesse outras pessoas para ajudar: em situações silenciosas e solitárias.
A utilização mais proeminente dessa dificuldade ocorre na noite anterior ao início dos assassinatos:
Sob a Torre Queimada, passou por Rickard Ryswell com o nariz enfiado no pescoço de outra das lavadeiras de Abel, a gordinha com bochechas de maçã e nariz achatado. A garota estava descalça na neve, embrulhada em um manto de pele. Ele imaginou que estivesse nua por baixo. Quando ela o viu, disse algo para Ryswell que o fez gargalhar.
(ADWD, O vira-casaca)
É interessante considerar que este aí pode ter sido Roger Ryswell.
A oportunidade
Com base na descrição, a esposa de lança nesta cena é Frenya, uma mulher corpulenta que é bastante habilidosa no combate: na tentativa de fuga, ela conseguiu lutar com uma lança de um dos guardas de Bolton e ferí-lo.
Quando você reflete sobre Frenya estar realmente se atirando sobre Roger (e não Rickard), as hipóteses de repente ganham vida!
Roger está sozinho em uma área isolada de Winterfell, com a esposa de lanças Frenya. A oportunidade de matar Roger para pegar seu broche e sua capa surgiu.
Lembre-se de que os assassinatos começam a acontecer na manhã seguinte a Theon ver Ryswell com Frenya.
A teoria
Usando as ideias que apresentei até agora, gostaria de montar uma teoria sobre Roger Ryswell.
  1. Frenya atraiu Roger Ryswell para o topo da muralha interna de Winterfell. Ela pegou a capa dele e então o empurrou para a morte.
  2. Esta capa foi então atirada ou enviada para Mors Papa-Corvos.
  3. Mors, em posse do grilhão de rubi, usou a capa para parecer Roger e entrar em Winterfell.
  4. Ele então fica por perto, talvez debatendo coisas ou reunindo conhecimentos. Ele participa das investigações dos assassinato, sabotando-as.
  5. Ele encontra Theon na famosa cena do “Homem Encapuzado” e novamente no interrogatório.
  6. Sua presença no interrogatório é o que dá a Mors a confiança de que a missão pode começar.
    Essa teoria faz sentido por alguns motivos:
Vernáculo compartilhado
Sempre houve uma notável semelhança entre duas afirmações, uma feita por Mors Umber e a outra pelo encapuzado:
– Theon Vira-Casaca. Theon assassino de parentes.
– Não sou. Eu nunca... eu era um homem de ferro.
– Falso é tudo o que você era. Como é que ainda está respirando?
(ADWD, Um fantasma em Winterfell)
:::
Em vez disso, ele choramingou através de dentes quebrados e disse:
– Sou...
– ... um vira-casaca e assassino de parentes, – Papa-corvos completou. – Segurará essa língua mentirosa ou a perderá.
(TWOW, Theon – tradução minha)
É notável que pouquíssimas pessoas se refiram a Theon como um assassino de parentes: Mors, Rowan e o Homem Encapuzado.
Mas isso nada se compara ao fato de que o homem encapuzado e Mors chamam Theon de vira-casaca, assassino de parentes e mentiroso / falso ... exatamente na mesma ordem.
Por algum tempo, isso sugeria a possibilidade de Mors ser o homem encapuzado, mas seu olho a menos [de Mors] me impedia de explicar essa possibilidade.
No entanto, a braçadeira de rubi subverte esse problema perfeitamente.
Ocultando o corpo
Vamos revisitar o primeiro assassinato, usando essa teoria como um guia.
Para refrescar sua memória:
Com esta teoria como guia, de repente fica claro: a primeira vítima de assassinato, o corpo enterrado na neve, era na verdade Roger Ryswell.
Em primeiro lugar, há algo muito singular neste assassinato em comparação com todos os outros: o corpo estava escondido.
Os outros assassinatos estavam todos à vista e tiveram um claro componente psicológico. Este corpo não era para ser descoberto:
Se as cadelas de Ramsay não o tivessem desenterrado, ele poderia ter ficado lá até a primavera. Quando Ben Ossos o puxou, Jeyne Cinza havia comido tanto do rosto do morto que meio dia se passou antes que soubessem com certeza quem era: um homem em armas de quatro e quarenta anos que marchara para o Norte com Roger Ryswell.
(ADWD, Um fantasma em Winterfell)
Além disso, é interessante que o rosto tenha sido comido porque tornou a identificação impossível. Caberia quase inteiramente a “Roger Ryswell” apurar a identidade do homem. Talvez seja por isso que Roger foi tão rápido em descartar o corpo como sendo apenas um bêbado.
Mais uma coisa a notar é que “Roger” declara que a vítima provavelmente estava mijando à beira da muralha:
– Um bêbado – Ryswell declarou. – Mijando da muralha, aposto. Escorregou e caiu. – Ninguém discordou. Mas Theon Greyjoy se perguntou por que um homem subiria por degraus escorregadios de neve até as ameias, na escuridão da noite, apenas para mijar.
(ADWD, Um fantasma em Winterfell)
Isso poderia de alguma forma implicar que as calças do homem morto estavam abertas ou abaixadas?
Fosse esse o caso, não poderia ser mais provável que o homem estivesse envolvido em um ato sexual quando caiu e morreu? No mínimo, certamente parece mais plausível que um homem procurasse um canto recluso para fazer sexo no alto das muralhas do que que ele tenha escalado uma muralha para mijar.
Resumidamente, se o morto estivesse no meio de algo que envolvesse seu pênis ficar fora das calças enquanto estava em cima das muralhas, provavelmente seria para sexo e não para urinar.
Se for esse o caso, temos que reconhecer que no dia anterior à descoberta do corpo, Theon viu um Ryswell com Frenya. Naquele momento, Theon observa que Frenya provavelmente “estivesse nua por baixo” da capa de pele de urso. Isso parece implicar que eles estavam fazendo (ou iam) fazer sexo. Minha opinião pessoal é que Frenya atraiu Roger Ryswell para o topo das muralhas, prometendo sexo oral. Durante o ato, ela agiu e o matou.

Preparado o palco

Voltando aos pontos iniciais deste ensaio, há questões que precisam de respostas:
  1. Dado que Mors e Mance colaboraram na missão de resgate, como Mors saberia que Mance estava pronto para levar a missão a cabo?
  2. Como Mance saberia que Mors estava fora de Winterfell, pronto para receber Arya?
  3. Por que Mors permaneceria em segredo fora de Winterfell por um dia ou mais antes de tocar seus berrantes?
Mors poderia facilmente indicar a Mance que ele estava no a postos: os berrantes de guerra fazem isso muito bem.
O verdadeiro problema é informar Mors de que a missão de resgate está pronta para acontecer. Para isso, os selvagens precisam ter algum tipo de sinal ou outra forma de se comunicar com Mors. Também pode haver detalhes específicos que modificam quaisquer planos que Mors e Mance possam ter inicialmente traçado.
Em última análise, Mance e Mors iria precisar de alguma forma de se comunicar. Eu acredito que foi por isso que Mors permanece por vários dias fora Winterfell antes de anunciar sua presença com os berrantes de guerra. Ele usa sua presença icógnita para acessar Winterfell e verificar se tudo está pronto para a tentativa de resgate. Talvez seja por isso que os batedores tenham desaparecido, para garantir o disfarce ou algo semelhante.

IMPLICAÇÕES

Existem algumas idéias (e questões) interessantes que surgem a partir deste ensaio:
O que aconteceu com o grilhão de rubi?
Eu acredito que é entregue a Mance antes da partida final de Papa-Corvos do castelo. Isso ocorre porque há evidências de que isso é fundamental para a “estratégia de saída” de Mance.
Senhora Dustin ou o outro Ryswell não notariam?
Os Ryswells se odeiam abertamente. Eles não prestam muita atenção às nuances do comportamento de seus irmãos.
Os Ryswells eventualmente não perceberiam que Roger estava desaparecido (depois que Mors saiu)?
Eventualmente. Não acho que Mors ou Mance realmente se importariam, e ninguém teria ideia do que realmente aconteceu.
submitted by frdnt to Valiria [link] [comments]


2020.09.04 18:33 DanteStonecross Senta que la vem história

Eu to a algum tempo lendo e comentando coisas nesse /, e eu sempre quis dizer varias coisas aqui, porque de algum jeito eu me sinto confortável de ver essas coisas e todos vocês, mesmo discordando com algumas pessoas aqui e ali ta tudo bem, discordar é normal, faz a gente mais humano.
Mas eu queria muito contar uma história aqui hoje, é uma jornada importante pra mim, e eu espero que vocês gostem de me ver aprendendo uma coisa muito complicada. Nessa história, todos os nomes serão fictícios, e será um resumo muito resumido, então a grande maioria dos fatos não está aqui, mas o que isso tudo me ensinou, você vai poder ver com certeza.
Eu sempre fui um Romântico, e quando eu digo Romântico, eu falo da escola literária, eu não uso aquele português difícil, mas eu enxergo o mundo de uma maneira similar, eu vivo os momentos com as pessoas com intensidade, com muito sentimento, e os momentos seguintes a esses vem a melancolia.
A primeira vez que eu me apaixonei quando tinha 11 anos, o mundo se tornou diferente pra mim, era como se de repente todo o resto fosse preto e branco, e apenas aquela garota fosse colorida(eu tenho essa história contada em um texto, que é o ponto inicial da minha depressão, escrito exatamente como aquela criança enxergava o mundo, se ao final alguém se interessar eu mando sem problemas).
E, perto se fazer 14, em 2013, eu conheci uma garota muito mais do que bonita, ela era simplesmente divina aos meus olhos, ela era tão incrível, ela tinha absolutamente tudo que eu gostava. Eu conheci a Ágata dando aulas de matemática(o que mais um nerd faz?) e algo me chamou muita atenção: mesmo com 13 anos eu já tinha dado muitas aulas pra muitas pessoas e todo mundo tem um limite, todo mundo desiste(pede uma pausa) depois de X questões, mas ela não, mesmo sem entender muitas coisas ela persistia até o fim tentando entender tudo, até o horario dela ir embora ela continuou la, com o caderno e a caneta fazendo de tudo pra conseguir entender.
Bons meses depois Ágata se tornou minha melhor amiga(embora no início ela respondia minhas mensagens a cada 3 semanas, sem exagero!), e mais um tempo depois e muitos conflitos com a família dela, a gente começo a namorar.
Eu ainda não posso explicar o que era a sensação de namorar com ela, ela era literalmente o que todo garoto sempre sonhou: baixinha, cabelo cacheado, um rosto muito agradável, um sorriso lindíssimo, peitos e bunda enormes(ENORMES), cantava feito um anjo, era popular, divertida, extrovertida, dedicada, esforçada... É uma lista de qualidades que, na época, transbordava.
De 2014 até 2019, nós tivemos 3 anos de relacionamento e 5 anos de amizade, e eu aprendi muito mesmo em todos esses anos. O motivo do término do relacionamento(numa versão em resumo do resumo do resumo) foi, principalmente, possessão. Eu tenho um pai que é extremamente possessivo e eu levei 14 anos pra sair das garras deles(ou seja, ainda era recente quando eu conheci ela), e 1 ano depois do namoro ela começou a querer cada vez mais a minha atenção, onde eu não sentia mais liberdade pra fazer coisas que eu queria, porque eu tinha que ficar 3 horas falando no telefone com ela(e eu nem gosto de falar no telefone).
Não me entendam mal, eu não estou dizendo que fui perfeito, que não tive defeitos ou que só eu que estava passando por problemas, acabou porque precisava acabar. Inclusive se você, Ágata, por algum motivo descobriu o reddit e se reconhecer nesse post, saiba que mesmo não mais falando com você e não conseguindo mais olhar na sua cara(história pra outro dia), você pra sempre terá minha gratidão e meu respeito, nós vivemos muitas coisas juntos e, se hoje eu sou um homem, foi você que o moldou, muito obrigado.
Quando isso terminou, eu comecei a conversar mais com uma outra garota que eu conhecia, estudava na mesma escola que a gente, e conforme eu a conheci, ela começou a conquistar cada vez mais espaço no meu coração.
Carol era uma mulher interessante de várias maneiras, ela era extremamente extrovertida, cantava muito bem, tinha muitas histórias pra contar, era uma das pessoas que mais tinham ficado com gente na escola, e principalmente, ela tinha acabado de ganhar uma filinha. O jeito que a Carol olhava pra filha dela me fazia querer estar por perto, não porque ela parecia uma mãe incrível, mas porque havia uma dualidade dentro dela: aquela criança foi concebida de um estupro, onde foi muito difícil aceitar conceber a criança, quando ela nasceu era completamente visível que ela não sabia o que fazer, ela amava mais do que tudo aquela criança, ao mesmo tempo que ela via o homem que fez isso quando olhava pra ela(graças a deus, isso mudou bem rápido).
O tempo passou e eu e Carol começamos a nos dar muito bem, e em meados de 2019 a gente se beijou pela primeira vez, essa foi oficialmente a segunda pessoa que eu beijei na vida e cara, que coisa mais estranha, eu não sabia nem como descrever o que tinha sido aquilo de tão estranho... Até que ela me beijou uma segunda vez, e ai oficialmente, aquele era o melhor beijo do mundo.
Eu e Carol ficamos mais algumas vezes, e a gente se dava muito bem em tudo, até na cama era muuuuito diferente do que era com a minha ex, e a gente fazia tantas coisas juntos, viamos animes, conversavamos sobre varias pessoas, saíamos pra comprar roupas...
Cada dia que passava o meu sentimento só aumentava, e quanto mais ele aumentava, mais coisas que eu achava incríveis aconteciam, como a gente ver as coisas abraçadinhos, ficar de mãos dadas, varias dessas coisas de casal.
O meu erro? Carol desde o inicio falou "Não se apaixona por mim, eu não me apaixono por ninguém". Eu segui essas instruções o quanto foi possível, mas cara, talvez fosse loucura minha, mas parecia muito que ela também estava apaixonada, não com palavras porque toda vez que eu mencionava ela mudava a expressão e o jeito por um tempinho, mas as atitudes dela, os nossos momentos...
Depois de um tempo, no inicio desse ano, eu tentei cortar a Carol da minha vida torcendo pra que resolvesse meu problema, e deu certo por 1 mês até que ela me mandou mensagem perguntando quanto tempo isso levaria. Eu dei o meu melhor e coloquei todos os meus sentimentos em um texto, cada palavra continha tudo que eu sentia por ela, e ela também fez um texto de volta pra mim, e eu pude sentir o que ela sentia também, ela queria ser só minha amiga, e nada mais.
Nós ficamos mais 3 ou 4 meses sem nos falar até que, por intermédio de uma amiga em comum, a gente voltou a se falar e, desde então eu vi Carol mais umas 3 ou 4 vezes, mas é tudo muito estranho, a gente troca mensagens uma vez por semana e olhe la, eu nem acredito que um dia a nossa amizade volte, quanto mais a gente ficar ou coisas do tipo.
Mesmo com tudo isso, ela sempre viveu no meu coração.
Porem aqui vem a lição, meus amigos.
Há semanas atrás, eu consegui contato com uma garota que a gente não se via a muitos, muitos anos. Sabe aquela história de primeiro amor a gente nunca esquece? Esse foi meu segundo, e o que eu verdadeiramente nunca esqueci, eu sempre vou me lembrar do meu primeiro dia de aula numa escola completamente nova, e no fim do dia eu ainda todo perdido uma garota me puxa, me olha nos olhos e a primeira coisa que ela diz pra mim é: "Você namoraria comigo?". A resposta pra essa pergunta era não, obviamente, foi muito aleatório, mas eu estava tão nervoso que saiu "sim", ela deu um sorrisinho e voltou ao que tava fazendo. Desde aquele dia, Livia se aproximou cada vez mais de mim, e ela tentou me conquistar todos os dias, e acreditem em 2012/13 eu não era naada fácil.
E quando eu consegui falar com ela novamente, alguma coisa dentro de mim estalou, a gente voltou a conversar e era como se nada tivesse mudado, a gente conseguia desenvolver do mesmo jeito que a gente sempre fez, nem parecia que tinham 7 anos sem contato. A gente se viu algumas vezes(sim, eu sei que a gente ta de quarentena, todas as medidas de seguranças foram tomadas pra gente conseguir) e, cara, eu tinha me esquecido o que é olhar pra alguém que te olha como se você fosse uma obra prima, aquele olhar de quando éramos crianças não mudou nem um pouquinho, ela ainda olha pra mim como se eu fosse a pessoa mais legal do mundo.
Eu, com todos os meus defeitos, com todas as minha chatisses e meu jeito ""inteligente"" de ser, onde a lista de qualidades é exatamente igual a lista de defeitos, ela me vê como se fosse alguém muito mais do que incrível.
E eu olho pra ela assim também, e quando eu a olho, eu quero que ela sinta a pessoa incrível que eu vejo, uma pessoa que passou por inúmeros problemas pelo mundo afora e ainda passa, alguém que realmente foi a raiz do meu gosto pelas mulheres, que me ensinou que atitude é a melhor caracteristica possível em alguém, e que eu quero alguém com isso na minha vida, alguém que tenha coragem de me puxar pelo braço e dizer que me quer, alguém que queira os meus toques, alguém que querias os meus carinhos, as minhas massagens, os meus abraços, as minhas implicações, assistir animes ou séries comigo, beber comigo, aprender e viver todo tipo de experiências e situações. É isso que eu quero com ela também!
Esse é um pedacinho da minha odisseia, eu pedi a Deus, ao universo, a seja la o que for que estiver ai fora por nós, pra que 2020 seja um ano de apredizados e conquistas, 2020 foi o ano mais difícil da minha vida, onde por conta de um treinamento pra competição, da pandemia(home office) e tambem por causa de ter a Carol na minha cabeça, eu passei pela pior fase da minha vida, mas eu consegui correr atrás de ajuda a tempo(onde eu devo a minha vida a minha hipnoterapeuta, que mulher excepcional) e, no final dessa jornada, eu cresci muito e me tornei bem mais forte.
Muito obrigado, eu deixo aqui os meus agradecimentos a todas essas garotas, que me mostraram quem eu quero junto a mim e quem eu quero ser, a minha mãe que é a melhor mãe do mundo e, mesmo a gente se desentendendo as vezes, eu não resistiria sem ela, a minha hipnoterapeuta que consegue a façanha de me colocar em transe(hipnose ericsoniana é a melhor, sem dúvidas!) e que me ensinou muuuito mais lições do que eu teria aprendido em 20 anos da minha vida.
E principalmente, muito obrigado a mim mesmo, por ter aguentado até aqui, por nunca ter parado de ir pra frente mesmo pensando todos os dias em desistir, em jogar tudo pro ar, pensando até em coisas muuito, mas muuuuito mais escuras nos dias mais dificeis, mesmo assim nós estamos aqui, prontos para a proxima jornada, onde a gente vai sofrer, mas a gente vai aprender algo a respeito disso no final.
Se você chegou até aqui, meu caro amigo, eu só queria te contar a história de como eu descobrir o que, pra mim, é o amor. Amor é o que eu sinto quando olho pra alguém que também me devora com o olhar e as atitudes, amor não é toda a intensidade, todo o fogo, toda a loucura, não! Pode ser um pouco disso, mas principalmente, amor é reciprocidade, é você não ter que se esforçar em mudar 1001 coisas só pra agradar a pessoa, quem você ama e quem te ama de verdade gosta de você por ser quem você é, e é isso que eu quero pra minha vida, amar e ser amado!
Eu não sei se eu e Livia vamos ficar juntos, a gente deve descobrir mais a frente, mas eu sei que eu quero isso, e se o destino(ou o universo, ou deus...) não permitir que a gente fique junto, tudo bem, eu sei agora o que procurar, e que vai existir mais alguém que olhe pra mim do jeito que eu olho pra ela.
submitted by DanteStonecross to desabafos [link] [comments]


2020.09.01 17:26 LuisF_GuimaresCruz Fui babaca por ter falado pra um garoto da minha escola que a “namorada” dele queria ter minar !?

Olá lubisco, possível convidado e editores. Minha história é a seguinte : Eu to tipo no 6º e o povo da minha turma e da outra acha que namorar é só dizer que tá namorando, mas não se beija, bom o famigerado c* doce. Essa garota ( da minha turma ) na quarentena começou a “namorar” esse garoto ( da outra turma ) hj na aula de ED ( Educação Física ) essa garota não estava fazendo os exercícios e estava fazendo dancinha do tik tok, não sei se tava gravando ou se só tava fazendo as dancinhas, ela depois disse que não mas fd-** e tbm até aí blz, só que na espera da aula de história eu e ela tivemos uma discussão ( que por sinal tinha um mlk provocando nós dois pra gnt brigar comigo não funcionou mas com ela evidentemente sim ) só que quando eu brigo com alguém eu faço pra humilhar, e humilhei. Bom depois dessa enorme introdução vamos a história, esse “namorado” veio me perguntar oq aconteceu, pq contaram pra ele que tínhamos discutido, mas não pq, e eu falei aí ele e eu começamos a discutir e no final soltei a bomba e dei bloq. Ele lógico foi falar com a “namorada” e ela foi tirar satisfação com minha melhor amiga ( que tbm é melhor amiga dela ) pq a única pessoa que sabia disso era a melhor amiga que quando veio aqui em casa me contou e agr to achando que estraguei a amizade delas é só por isso que to com peso na consciência pq sinceramente quero que os “namoradinhos” se fodam. E aí fui babaca !?
OBS : eu e os “namoradinhos” nunca fomos amigos e sempre tivemos brigas.
submitted by LuisF_GuimaresCruz to TurmaFeira [link] [comments]


2020.08.29 03:36 pedr0_1 Egrill 😍😍😍 PERFEITA

Eu acabei de encontrar a garota perfeita💁😍 E eu nem tô zuando, tlgd?🤨 Tipo🤔🤔 ela é tipo aquelas garotas que mais ou menos egrill🧙🚫🧼🚿 Assim, tipo, ela tem um cabelo💇💇 tipo a egrill é. Praticamente você olha👀👀 pra ela diz: é uma egrill, velho👴 concerteza. Aí eu cheguei nela e falei: mano🚶🚶, você curte 👍Player Tauz, velho?👴👴 Ela chegou🚶‍♀️: mano, cê, pqp, eu tenho quase todas as músicas▶️🎵🎶 dele baixadas.📩📩 Eu falei: caralho, eu tbm curto👍👍👍, só que não baixei🚫📩📩, enfim. Aí ela me perguntou assim:🤔🤔 mano, vc curte Minecraft?⛏️ Aí eu falei:🗣️ caralho, curto pra cacete, eu tenho até no celular baixado.📱📩📩 Ela falou me passa pra gente jogar depois.🎮🕹️Isso foi, nossa, isso foi magnífico, tlgd? E muito magnífico velho, tipo assim: sem zoa, não tô brincano.🚫🤹 Aí eu falei assim pra ela:👍👍👍👍 blz, mas qual é a sua melhor qualidade?✅Aí ela falou assim: minha melhor qualidade é ser inútil e chorar no banheiro a noite. 😖😖😢😢😢😢 (KOTAKA GARGALHA) Aí eu falei mano: vamo casar logo, tlgd?🤵👰
submitted by pedr0_1 to Copicola [link] [comments]


2020.08.28 21:44 janette_vic Ok...

NAMORADA DIFERENTE
Eu estava com a minha amiga (vamos chamar ela de eloi) eloi e eu estávamos ansiosas por que já estava quase na hora do recreio , tava uma galera e eu com uma garota legal e atenciosa , fui até lá e falei com a galera , no meio dessa galera tinha um menino que eu gostava, mas eu tinha uma "fama" de macho machona e briguenta então os meninos evitavam de falar comigo, mas eu tomei a iniciativa de falar com ele (obs: eloi sabia que eu gostava dele) eloi falou para irmos a um lugar reservado , eu como não sou burra , fui eu estava conversando com ele , toda vez que eu falava com ele , ele desviava o olhar , até que a eloi viu minha situação e ficou com raiva do menino , ela foi até ele e começou a brigar com ele , ele olhou pra mim e falou : "da para controlar tua namorada !?" Eu e a eloi ficamos p*tas e começamos a gritar com ele. Dois dias depois , eu e a eloi chegamos na escola e as meninas que assistiam luba começaram a nós chamar de "lésbicas do luba" e os meninos de "sapatonas de botas" e foi assim que fomos xingadas e fomos para outra escola e (plot twist) minha amiga virou lésbica e não ficou comigo XD ficou com uma menina que eu nem conhecia
Fim , meu lubinha 😔✊💛
submitted by janette_vic to TurmaFeira [link] [comments]


Vamos Dar um Tempo - Garota Safada - YouTube Garota Safada - Vamos Falar de Amor - YouTube Vamos Tomar Uma Hoje Garota Safada e Wesley Safadão Música Nova VAMOS DAR O QUARTO DA BEL PARA MENINA MISTERIOSA - YouTube Skank - Vamos Fugir (Ao Vivo) - YouTube VAMOS ASSISTIR? - (2# GAROTA INFERNAL) VAMOS RELAXAR- BELAS GAROTAS COM ROUPA, DEPOIS COM ROUPAS ... Vamos falar de amor Garota Safada com Mara pavanelly SKANK GAROTA NACIONAL - YouTube Vamos construir um Harem de garotas demonios - YouTube

Vamos Falar de Amor - Garota Safada - LETRAS.MUS.BR

  1. Vamos Dar um Tempo - Garota Safada - YouTube
  2. Garota Safada - Vamos Falar de Amor - YouTube
  3. Vamos Tomar Uma Hoje Garota Safada e Wesley Safadão Música Nova
  4. VAMOS DAR O QUARTO DA BEL PARA MENINA MISTERIOSA - YouTube
  5. Skank - Vamos Fugir (Ao Vivo) - YouTube
  6. VAMOS ASSISTIR? - (2# GAROTA INFERNAL)
  7. VAMOS RELAXAR- BELAS GAROTAS COM ROUPA, DEPOIS COM ROUPAS ...
  8. Vamos falar de amor Garota Safada com Mara pavanelly
  9. SKANK GAROTA NACIONAL - YouTube
  10. Vamos construir um Harem de garotas demonios - YouTube

Enjoy the videos and music you love, upload original content, and share it all with friends, family, and the world on YouTube. VAMOS RELAXAR- BELAS GAROTAS COM ROUPA, DEPOIS COM ROUPAS ÍNTIMAS. É UMA BRINCADEIRA. jornal monte kemmel - segue o jornal O vídeo oficial ao vivo de Skank para a música 'Vamos Fugir'. Clique aqui para ouvir Skank no Spotify: http://smarturl.it/SkankSpotify?IQid=SkankVF Você pode... VAMOS DAR O QUARTO DA BEL PARA SAMANTA CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS Este video não contém promoção paga. INSTAGRAM http://instagram.... Enjoy the videos and music you love, upload original content, and share it all with friends, family, and the world on YouTube. Aqui relato um pouco da experiência que tive com um grupo de atores surdos, amigos da faculdade (UFPE), na construção do filme em libras “Garota Infernal”. ACOMPANHA-ME NAS REDES SOCIAIS ... 50+ videos Play all Mix - Vamos falar de amor Garota Safada com Mara pavanelly YouTube Vamos Falar de Amor - Malla 100 Alça, Ao Vivo em São Paulo (Official Video) DVD 2012 - Duration: 4:06 ... 50+ videos Play all Mix - Vamos Tomar Uma Hoje Garota Safada e Wesley Safadão Música Nova YouTube Wesley Safadão - Com ou sem mim - Duration: 2:58. DTD MUSIC BR 871,438 views Musica por: Skank - Garota Nacional Gravadora - Desconhecida ! Enjoy the videos and music you love, upload original content, and share it all with friends, family, and the world on YouTube.